Please reload

Expressões Britânicas

August 15, 2016

 

 

 

Você que estuda na Speak One College já deve saber que nós somos apaixonados pela cultura Inglesa ( porque será? ) , e provavelmente já ouviu alguma expressão ou palavra que não conseguiu entender! Verdade ou mentira ? 

Independente de sua resposta , este post será útil para a nossa futura imersão para a terra de Sua Majestade, e claro acrescentar mais vocabulário !  :D

 

Pronto? Vamos lá! 

 

 

Not my cup of tea – se alguém diz que algo não é “sua xícara de chá”, quer dizer que não é o tipo de coisa que a pessoa gosta. “Knitting is really not my cup of tea” (“Fazer tricô não é uma coisa que eu goste”).

 

Posh –  chique, aristocrático, rico.  “A posh restaurant” (restaurante chique); “She must be posh to afford that” (“Ela deve ser muito rica/da classe A para poder comprar aquilo”). 

 

Quid – é muito comum ouvir os ingleses dizerem “quid” para se referirem às libras. “How much is the ticket? 4 quid” (“Quanto custa o ingresso? 4 libras”). Note que não se flexiona a palavra no plural: 1 quid, 20 quid.

 

Barmy – louco, doido, maluco. “You have to be barmy not to try English Ale!” (“Só se for maluco você não experimentará a cerveja ale!”). Os fãs de cricket que viajam para o exterior para torcer pelo time da Inglaterra são chamados de “Barmy Army” (exército de doidos).

 

Bloody – essa palavra é das mais úteis e é usada para enfatizar qualquer coisa: “Bloody good!” (“Muito bom”); “The food is bloody awful!” (“A comida está muito ruim”); “This is bloody unbelivable!” (“Isso é inacreditável”); “I bloody told you!” (Eu bem que te disse!). É também usada como expressão de surpresa, choque, descontentamento ou raiva: “Bloody Hell!” (“Bloody hell! It took me two hours to get home today!” “Que horror! Levei duas horas para chegar em casa hoje!”).

 

Bodge – é como os britânicos fazem a famosa “gambiarra” (“bodge job”), mas me parece com um sentido um pouco mais positivo. É o improviso a partir dos recursos disponíveis. “He didn’t fix it, he bodged it” (“Ele não consertou, fez uma gambiarra”); “The kettle broke so I bodged it” (“A chaleira estragou então eu fiz uma gambiarra”).

 

Bollocks – literalmente “testículos”, mas a palavra é usada para designar alguma coisa que não faz sentido, como o americano “bullshit” (“That’s a load of bollocks!” “Isso é conversa fiada/não faz sentido”), ou como expressão de raiva, irritação ou descontentamento (“Bollocks! I forgot to call my wife, now she’ll kill me!” “M**a! Esqueci de ligar para minha mulher, agora ela vai querer me matar!”). Mas o mais impressionante é que a palavra pode ter o sentido oposto, significando muito bom, como em “This beer is top bollocks!” (“Esta cerveja é excelente!”), ou “He thinks he’s the dog’s bollocks” (“Ele se acha o máximo”).

 

Cheers – além de ser usado para brindes, no sentido de Saúde!, a palavra também é muito usada com o sentido de Até logo! e Obrigada/o! No pub ou em lojas, você certamente ouvirá as pessoas agradecendo com “Cheers!”. A resposta é igualmente “Cheers!”.

 

Dodgy – algo que é ou está “dodgy”, não é muito confiável por não estar bem, por ser ilegal, perigoso, estar estragado, estruturalmente comprometido, etc. Qualifica várias coisas, como “dodgy food” (não coma), “dodgy person” (melhor evitar), “dodgy place” (passe longe), “dodgy car” (pode ter sido roubado).

 

Easy Peasy – algo muito fácil. Abreviação de “Easy Peasy Lemon Squeezy” que, segundo consta, era a fala de uma propaganda de um detergente. “Run a marathon? Easy peasy!” (“Correr uma maratona? Facílimo!”).

 

Grub – forma popular de se referir à comida, como em português boia, rango, etc. A comida servida nos pubs geralmente é chamada de “Pub Grub”.

 

Loo – forma popular de se referir ao banheiro. “Where’s the loo?” (Onde é o banheiro?); “I need to go to the loo.” (Preciso ir ao banheiro)

 

Mate – amigo (principalmente homem), “cara”. Serve tanto para os amigos e/ou colegas (“I was at the pub with my mate” “Estava no pub com meu amigo”), como para os desconhecidos, sendo forma de tratamento. O Steve sempre “conversa” com motoristas de outros carros, dizendo: “What the hell are you doing, mate?” (O que você pensa que está fazendo, cara?”). Se for mulher, ele diz “matete”.

 

Naff – significa cafona, fora de moda, o que não é nada “cool”, por exemplo “This song is so naff” (“Esta música é tão cafona”). É também usado como substituto de f**k em contexto mais educado:

 

Naff off!” (Some! Desaparece!, etc.). – é como os britânicos fazem a famosa “gambiarra” (“bodge job”), mas me parece com um sentido um pouco mais positivo. É o improviso a partir dos recursos disponíveis. “He didn’t fix it, he bodged it” (“Ele não consertou, fez uma gambiarra”); “The kettle broke so I bodged it” (“A chaleira estragou então eu fiz uma gambiarra”).

 

 

Please reload

Please reload

   Speak One College

Horário de Funcionamento

Manhãs: 

Segunda a Sexta - 08:00 ás 12:00

Tardes & Noites: 

Segunda a Sexta - 13:30 às 22:00 - (47) 3034-6050

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

all rights reserved © speakonecollege.com.br 2019